Trabalhadores da Elfer conquistam aumento de 80% na PLR

Trabalhadores aprovam PLR em assembleia (Crédito Francisco Sampaio)

Trabalhadores aprovam PLR em assembleia (Crédito Francisco Sampaio)

Os trabalhadores da Elfer aprovaram na tarde dessa terça-feira, dia 15, a proposta de PLR (Participação nos Lucros e Resultados), que chega a R$ 1.680,00, valor 80% maior do que o aplicado no ano passado. A medida irá injetar R$ 134.400 na economia do município.

A primeira parcela, de R$ 500 sem metas, será paga no próximo sábado, dia 20. A segunda parcela, com metas, será paga em fevereiro de 2015.

Desde abril o Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba-CUT tem negociado essa PLR com a direção da Elfer.

Segundo o secretário de comunicação do sindicato, Benedito Sérgio Irineu, além da categoria ter conquistado um aumento de 80% no valor global, as metas também foram melhoradas para que os trabalhadores tenham mais chances de receber o valor total.

“É um processo que não começou hoje. Ano a ano temos fiscalizado e cobrado melhorias e os trabalhadores têm mostrado muita disposição para reivindicar essas correções. De 2012 para 2013 já tínhamos conseguido um aumento de 50% no valor e agora conseguimos aumentar mais 80%. Parabéns aos companheiros por mais essa vitória”, disse Irineu.

Ainda segundo ele, em março, no fechamento da PLR anterior, um comunicado de greve chegou a ser entregue para que medidas mais transparentes fossem tomadas. Após essa mobilização, uma comissão de PLR foi implantada e acompanhou mensalmente a produção e os índices que agora fazem parte das metas de PLR.

A Elfer emprega cerca de 80 trabalhadores na oferta de serviços e fabricação de peças em alumínio no distrito industrial do bairro Feital.