Dirigentes na Tenaris/Ternium de nove países debatem realidades e definem lutas para 2015

Dirigentes sindicais na Tenaris/Ternium em Belo Horizonte-MG (Crédito: Divulgação)

Dirigentes sindicais na Tenaris/Ternium em Belo Horizonte-MG (Crédito: Divulgação)

Dirigentes metalúrgicos do Brasil, México, Argentina, Itália, Japão, Guatemala, Colômbia, Canadá e Romênia do grupo Tenaris/Ternium se reuniram, em Belo Horizonte, para debater as realidades das plantas e definir ações para fortalecer as lutas dos trabalhadores.

Batizado de Encontro do Comitê Mundial de Trabalhadores do Grupo Tenaris/Ternium, o evento foi promovido pela IndustriALL Global Union — entidade internacional que representa metalúrgicos, químicos e trabalhadores têxteis – e aconteceu nos dias 19 e 20 de novembro.

O Secretário da Juventude da FEM-CUT/SP, diretor do Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba, que possuiu uma grande planta da Tenaris, Luciano da Silva, o Tremembé, e o Secretário Geral e de Relações Internacionais da CNM/CUT, João Cayres, participaram das discussões. “O Encontro debateu a realidade de cada sindicato no mundo, os direitos dos trabalhadores, o combate às terceirizações e ao trabalho precário”, relata Tremembé via Whatsapp ao Portal da FEM.

2015

Alguns encaminhamentos aprovados no Encontro Mundial são o reconhecimento da representação da IndustriALL por parte do empresário do Grupo Tenaris/Ternium, Paolo Rocca, e a realização no primeiro semestre de 2015 de um novo ato em solidariedade ao trabalhador sequelado na Tenaris Bolívia, Rubén Montoya.

Em 2002, um tubo atingiu Rubén na altura do peito quebrando três costelas, ferindo seu pulmão, que hoje funciona parcialmente, deixando-o incapaz de trabalhar. Desde então, sofre com internações hospitalares, foi reintegrado duas vezes ao trabalho e demitido uma terceira vez. A Tenaris Colômbia se recusa reconhecer seus direitos.

O Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba realizou vários atos em solidariedade ao companheiro colombiano.

Também os dirigentes na Tenaris/Ternium definiram que a próxima reunião mundial será no Japão.

Ternium

O Encontro Mundial reuniu dirigentes da empresa Ternium (que comprou a Usiminas) da Argentina, Brasil, México, Guatemala e Colômbia.

Tenaris

No Brasil, a Tenaris é líder na produção e no fornecimento de tubos de aço com costura e conexões premium para o setor de energia e também líder na exportação desses produtos para a América Latina. Seus produtos são utilizados na exploração, produção, transporte e refino de óleo e gás, em aplicações offshore e onshore, assim como nas áreas de mineração, saneamento, construção civil e industrial.

Sua unidade produtiva, localizada em Pindamonhangaba-SP, tem capacidade anual de produção de 550 mil toneladas de tubos de aço soldados, além de contar com duas fábricas de revestimento e modernos laboratórios para realização de ensaios não destrutivos, testes mecânicos e químicos.

Fonte: Portal da FEM-CUT/SP, com redação de Viviane Barbosa, editora