Trabalhadores da Latasa ameaçam greve pela campanha salarial

Categoria reprovou proposta da empresa por grande maioria

Assembleia reprovou proposta da empresa por grande maioria

Assembleia reprovou proposta da empresa por grande maioria

Os trabalhadores da Latasa reprovaram por grande maioria em assembleia nessa terça-feira, dia 28, a proposta da empresa para a Campanha Salarial.

Em outra assembleia os trabalhadores também aprovaram a entrega de um comunicado de greve, que então poderá ser deflagrada após o prazo de 48 horas.

Segundo o dirigente sindical Francisco Sampaio, a empresa está com bom nível de produção. “A categoria não aceita a proposta e tem razão pra isso. É a campanha salarial. Esse é o momento de cobrar da empresa o reconhecimento por todo o esforço feito durante o ano. Se não tiver nova proposta, é greve”, disse Sampaio.

A Latasa emprega 230 trabalhadores na reciclagem de alumínio.

O dirigente sindical Francisco Sampaio

O dirigente sindical Francisco Sampaio

O secretário de Organização, Odirley Prado, que também tem participado das negociações

O secretário de Organização, Odirley Prado, que também tem participado das negociações

O presidente Herivelto Vela

O presidente Herivelto Vela

IMG_0104

IMG_0060_1

IMG_0096

IMG_0048_1

IMG_0107_1