Trabalhadores da Latasa ameaçam entrar em greve por PLR

Assembleia reprovou proposta da empresa por grande maioria

Assembleia reprovou a proposta da empresa e aprovou entrega do comunicado de greve

Os trabalhadores da Latasa, em Pindamonhangaba, estão ameaçando entrar em greve por PLR (Participação nos Lucros e Resultados). Eles aprovaram em assembleia a entrega do comunicado de greve nessa quinta-feira, dia 8.

Segundo o Sindicato dos Metalúrgicos, a categoria reprovou a proposta da empresa porque ela não acompanha o aumento que a produção teve ao longo do ano.

Cerca de um mês atrás já havia ocorrido uma paralisação na fábrica para pressionar a empresa a abrir negociação da PLR.

O vice-presidente do sindicato, André Oliveira

Segundo o vice-presidente, André Oliveira, reprovação da proposta por grande maioria é um ponto importante da negociação.

“Parabéns aos trabalhadores pela união na assembleia. Isso será fundamental para o avanço das negociações. Foi assim que conseguimos abrir a negociação e é assim que podemos conseguir uma boa proposta. Vamos juntos”, disse André.

A Latasa opera três unidades em Pindamonhangaba e emprega cerca de 230 trabalhadores na reciclagem de alumínio.