Trabalhadores da Bundy aprovam redução da jornada

Trabalhadores da Bundy aprovaram por grande maioria nova jornada com 42 horas semanais e algumas folgas no sábado

Trabalhadores da Bundy aprovaram por grande maioria nova jornada com 42 horas semanais e algumas folgas no sábado

Após dois meses de negociação do Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba-CUT, os trabalhadores da Bundy aprovaram na tarde desta quinta-feira, dia 14, a nova jornada de trabalho, com 42 horas semanais.

A Bundy estava operando com jornada de 30 minutos de refeição, que precisa passar pela aprovação do Ministério do Trabalho e Emprego. Como foi registrado um alto índice de horas-extras, o MTE não autorizou a jornada com refeição reduzida na Bundy.

Dois meses de exaustivas reuniões entre empresa e sindicato resultaram em um bom acordo para os trabalhadores, conforme aprovação em assembleia por grande maioria.

“Favoreceu muito os trabalhadores essa jornada, que terá menos de 44 horas semanais. Chega até ser um pouco menor que 42 horas. E mesmo com uma hora de refeição, os companheiros ainda terão alguns sábados de folga no mês. Fica de exemplo para as outras indústrias de uma jornada que leva em consideração o desejo da categoria”, explicou o presidente do sindicato, Renato Marcondes, o “Mamão”.

Os três integrantes do Comitê Sindical da Bundy, José Francisco – “Barba”, José Ivanez – “Gato”, e Antonio Moreira, também participaram das negociações.

 

Ao microfone, o coordenador do Comitê Sindical da Bundy, Francisco - "Barba", junto ao presidente Renato "Mamão"

Ao microfone, o coordenador do Comitê Sindical da Bundy, Francisco – “Barba”, junto ao presidente Renato “Mamão”

 

Prefeitura. O sindicato esteve reunido com a Prefeitura de Pindamonhangaba no último dia 5 para falar sobre a Bundy. A fábrica estuda a possibilidade de transferir parte de sua produção para Itanhandu/MG. O prefeito Vito Ardito e o secretário de Desenvolvimento Econômico, Rubens Fernandes, receberam os dirigentes sindicais e se prontificaram em negociar com a direção da Bundy para manter toda a produção da usina em Pinda.

 

Vito e Rubens Fernandes recebem dirigentes sindicais em reunião na Prefeitura de Pinda

Vito e Rubens Fernandes recebem dirigentes sindicais em reunião na Prefeitura de Pinda