Sindicato exige nova eleição da Cipa na Confab Tubos

Listagem continha nomes de funcionários de outra empresa; essa foi a segunda vez que o sindicato exigiu nova eleição de Cipa na Confab Tubos

Os diretores João Flauzino e Luciano Tremembé mostram ata em que a eleição de Cipa foi cancelada e remarcada para dia 19

Os diretores João Flauzino e Luciano Tremembé mostram ata em que a eleição de Cipa foi cancelada e remarcada para dia 19

O Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba-CUT exigiu nesta terça-feira, dia 10, o cancelamento da eleição da Cipa (Comissão Interna de Prevenção de acidentes) na Confab Tubos, antes mesmo da apuração dos votos.

A eleição ocorreu na segunda. Antes da apuração, a direção de base do sindicato, que sempre acompanha todo o processo de eleição de Cipa, viu o problema na conferência da listagem e exigiu nova eleição.

Segundo o coordenador do Comitê Sindical da Confab Tubos, Luciano da Silva – Tremembé, foram encontrados votos de funcionários da Tenaris Coating (antiga Socotherm), que faz parte do grupo Tenaris, mas é outra empresa, com cipa independente, inclusive com outra data de eleição.

“Foram alguns funcionários da Socotherm que votaram, mas todos estavam na lista. Além de isso desequilibrar a votação, a gente não pode correr o risco de lá na frente a empresa dizer que não vai ter a Cipa da Socotherm porque já foi feita junto com a Tubos. Mesmo sem ter feito comunicado aos trabalhadores da Socotherm, ela teria um documento oficial pra argumentar isso”, disse.

Ainda segundo ele, não é a primeira vez que problemas assim acontecem. “Todo ano tem algum problema na Cipa da Confab e essa já é a segunda vez que o sindicato exige sua anulação pra garantir a transparência do pleito”, completou.

A nova eleição foi marcada para o próximo dia 19, quinta-feira. Veja abaixo ata sobre o ocorrido:

2015_02_10 Ata que anulou eleição da Cipa na Confab Tubos