Oversound aprova proposta de PLR

Assembleia aprovou proposta por grande maioria

Assembleia aprovou proposta por grande maioria

Os trabalhadores da Oversound aprovaram nessa terça-feira, dia 29, a proposta para pagamento da PLR (Participação nos Lucros e Resultados).

Segundo o dirigente do Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba-CUT, Célio da Silva, o “Celinho”, a proposta ainda não foi a ideal em comparação com o ano passado, mas houve avanço na negociação.

“O primeiro valor nós nem trouxemos para assembleia. Apesar do período de referência para o cálculo ter sido de baixa produção, o que a empresa queria pagar estava muito abaixo do que deveria. Cobramos nova reunião e batemos o pé pra melhorar o valor”, disse.

Ao microfone, Celinho, ao lado do dirigente Marçal - Torto

Ao microfone, Celinho, ao lado do dirigente Marçal – Torto

A Oversound pertence ao Grupo 2, de máquinas e eletrônicos, cuja bancada patronal não quer pagar nem a inflação nessa Campanha Salarial. Comunicado de greve por salário nesse grupo também já foi entregue pela FEM-CUT/SP.

“A boa notícia na Oversound, pelo que sabemos nos contatos com pessoal da produção, é que a fábrica já está dando sinais de recuperação. Logo voltaremos aqui para discutir aumento de salário”, disse Celinho.

A Oversound emprega cerca de 50 funcionários na fabricação de autofalantes, no bairro Feital.

O dirigente Gilson - Chupeta

O dirigente Gilson – Chupeta