Trabalhadores da Latasa fazem protesto por abono e correção de salários

Trabalhadores reprovam por grande maioria proposta da empresa para pagamento de abono

Trabalhadores reprovam por grande maioria proposta da empresa para pagamento de abono

Os trabalhadores da Latasa fizeram na terça-feira, dia 29, um protesto de três horas pela reivindicação do abono salarial e correções na estrutura de cargos e salários.

A proposta de pagamento de abono salarial só foi apresentada após mais de um mês de reivindicação do Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba-CUT e foi reprovada em assembleia pela categoria nessa terça-feira.

O comunicado de greve foi protocolado. Além da reivindicação do abono, o documento também cobra da direção da Latasa a correção de salários defasados, a aplicação correta do dissídio coletivo, melhorias na segurança e a correção de irregularidades no plano de saúde.

29.10.13 Campanha Salarial.Latasa.Paralisação por abono e correção de salários_6509

Segundo o dirigente sindical de base, Francisco Sampaio, os trabalhadores estão mobilizados e dispostos a entrar em greve por tempo indeterminado. “Nessa terça foi um protesto. Uma última chance para a empresa parar de tratar os trabalhadores com descaso. Se não houver uma proposta decente, a negociação vai ser com fábrica parada”, disse Sampaio.

29.10.13 Campanha Salarial.Latasa.Paralisação por abono e correção de salários_6554

 

Trabalhadores do turno da tarde também reprovaram a proposta por grande maioria

Trabalhadores do turno da tarde também reprovaram a proposta por grande maioria