Taubaté: Após luta, Sindicato reverte demissões na Volkswagen

Com a vitória a greve está suspensa. Companheiros retornam ao trabalho no dia 1º de setembro

foto Walter Faria - Sindmetau

foto Walter Faria – Sindmetau

Com unidade e determinação, o Sindicato dos Metalúrgicos de Taubaté conseguiu reverter a demissão dos  43 trabalhadores na Volkswagen da região. Os companheiros voltarão ao trabalho a partir de 1º de setembro (terça-feira).

A categoria aprovou a proposta apresentada pela montadora  em assembleia realizada nesta sexta-feira (28). Com isso, a greve que já dura mais de 10 dias foi suspensa.

Conquistas

Além da readmissão dos 43 companheiros demitidos em 17 de agosto, a proposta visa a suspensão das demissões dos 500 excedentes.  A proposta também estabelece que caso haja necessidade de fazer a manutenção dos empregos, serão utilizados o Layoff, suspensão temporária de contratos,  Banco de Horas, Férias Coletivas e o Programa de Proteção ao Emprego (PPE).  Outra conquista é a antecipação do pagamento da Participação nos Lucros e Resultados (PLR) e a colocação da palavra “voluntário” na proposta de antecipação de aposentadorias.

Fonte: Agência de notícias da  FEM-CUT/SP

foto Walter Faria - Sindmetau

foto Walter Faria – Sindmetau