Sindicato dos Metalúrgicos participa de encontro da Juventude em SP

Dirigentes de Pinda no encontro: Rubens Salles – Magrão, José Antonio - Lagoinha, José Gilson – Chupeta, Luciano da Silva - Tremembé, Márcio Pimentel - Perneta, e Caio Fabretti

Dirigentes de Pinda no encontro: Rubens Salles – Magrão, José Antonio – Lagoinha, José Gilson – Chupeta, Luciano da Silva – Tremembé, Márcio Pimentel – Perneta, e Caio Fabretti

Dirigentes do Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba e Região participaram do 3º Encontro da Juventude Metalúrgica da Federação dos Sindicatos Metalúrgicos da CUT (FEM-CUT/SP).

O evento que abordou a “Juventude e as Redes Sociais” reuniu jovens metalúrgicos de oito sindicatos no dia 30 de novembro, na sede da FEM-CNM/CUT, em São Bernardo do Campo.

A avaliação foi considerada positiva pelo secretário da Juventude da Federação, Luciano da Silva, o Tremembé, que é dirigente sindical de Pinda, na Tenaris Confab Tubos.

O dirigente disse que a missão agora é colocar em prática as ricas dicas e orientações da blogueira, Maria Frô, do diretor de Comunicação do SMABC e presidente da TVT, Valter Sanches e do educador do Observatório Social, Henrique Reis.

Tremembé disse que os jovens devem acessar e divulgar as redes sociais e os sites do “bem” que são parceiros da CUT e dos movimentos sociais.

O secretário da Juventude da Federação, Luciano da Silva, o Tremembé

O secretário da Juventude da Federação, Luciano da Silva, o Tremembé

“Hoje, a direita usa muito bem estas redes porque investe mais. Mas nós que somos de esquerda temos que avançar nesta discussão e investir mais também”, disse.

No final do 3º Encontro, Luciano sistematizou algumas propostas debatidas pelos jovens metalúrgicos, citando a criação de uma fanpage (site) no facebook da juventude metalúrgica cutista.

 

Liderança. O presidente da FEM-CUT/SP, Valmir Marques, (Biro Biro) participou na mesa de abertura do 3º Encontro e elogiou a Secretaria da Juventude pela iniciativa.

“A juventude é o futuro do movimento sindical. Nós metalúrgicos, que somos de um ramo de vanguarda, temos essa missão importante de investir na qualificação dos nos jovens, formando novas lideranças”, concluiu.