Sindicato convoca trabalhadores da Harsco para assembleia de processo judicial

Acordo é resultado de 7 anos de luta do sindicato para que os trabalhadores recebam periculosidade e insalubridade

O sindicalista Valdir Augusto, o advogado trabalhista Alison Montoani, e o presidente Herivelto Vela, no Departamento Jurídico do sindicato

O sindicalista Valdir Augusto, o advogado trabalhista Alison Montoani, e o presidente Herivelto Vela, no Departamento Jurídico do sindicato

O Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba-CUT convoca os trabalhadores da Harsco (antiga Sobremetal) para participarem de assembleia que será realizada no domingo, dia 14 de agosto, sobre a proposta de acordo do processo coletivo 944/2009, movido pela entidade para cobrar o pagamento dos adicionais de periculosidade e insalubridade.

Cerca de 90 trabalhadores, entre atuais e ex-funcionários, estão envolvidos.

De acordo com o dirigente sindical na Harsco, Valdir Augusto, o acordo é resultado de uma luta de mais de sete anos.

“Foi a primeira batalha que enfrentei quando entrei para o sindicato, lá em 2009. A empresa não queria nem conversa sobre esse adicional. Entramos com o processo, acompanhei as perícias na fábrica, enfim os trabalhadores poderão receber o que é deles por direito e a situação será regularizada”, disse Valdir.

O Departamento Jurídico do sindicato fará plantão sobre esse processo nos dias 10, 11, 12 de agosto, das 9h às 17h, e no sábado, dia 13, das 9h às 12h. É importante que os trabalhadores levem a carteira de trabalho no plantão. No domingo, dia 14, será a assembleia na sede da entidade, com primeira chamada às 9h e segunda chamada às 9h30. A sede fica localizada à rua Sete de Setembro, 232/246, centro.

Galeria de fotos