Sindicato convoca para assembleia de processo coletivo da Gerdau

Adicional noturno estendido envolve cerca de 1.800 pessoas e é discutido com a empresa há 7 anos



Gerdau, a maior indústria de Pinda; assembleia será no domingo, 2 de dezembro, às 10h, na sede do sindicato

O Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba convoca os trabalhadores a participarem de assembleia no próximo domingo, dia 2 de dezembro, para discussão do processo judicial coletivo da Gerdau sobre o adicional noturno estendido. Cerca de 1.800 pessoas estão envolvidas.

Essa medida se refere aos funcionários do chamado turno da zero hora. Existe uma discussão jurídica a respeito de quem trabalha de madrugada e que a jornada continua depois das 5h, até o horário das 8h.

O processo teve início em 2011, envolve quem está na ativa e ex-funcionários. Conforme o período prescricional, ele não abrange quem saiu da empresa antes do dia 2 de março de 2009.

O presidente Herivelto Vela e o vice André Oliveira, sindicalistas pela Gerdau

O presidente da entidade, Herivelto Vela, sindicalista pela Gerdau, comentou o histórico dessa discussão. “É uma luta antiga. Desde quando começamos a reivindicar com a empresa, depois a entrada do processo, essa disputa judicial que já dura sete anos e não se sabe quanto tempo ainda pode levar na Justiça. Agora conseguimos uma proposta para que esses trabalhadores possam receber o que é direito deles e para que a empresa passe a pagar esse horário com adicional noturno daqui pra frente”, disse.

Vela também citou a importância dessa assembleia. “Agradeço ao departamento jurídico e aos dirigentes sindicais da Gerdau por essa conquista. É muito importante que essa assembleia tenha grande participação dos trabalhadores pra que possamos fazer a discussão da forma mais transparente possível e formalizar a decisão”, concluiu.

A assembleia irá ocorrer em primeira chamada às 9h30, em segunda chamada às 10h, na sede provisória do sindicato, localizada à avenida Albuquerque Lins, 125, centro.

Direção do sindicato após mobilização na Gerdau