Sindicato conclui pagamento do processo da Harsco, de R$ 1,2 milhão

Vídeo relata depoimentos dos trabalhadores e trajetória de 7 anos de luta

Enoque José Lira, que era mecânico na Harsco, recebe pagamento das mãos do sindicalista Valdir Augusto

Enoque José Lira, que era mecânico na Harsco, recebe pagamento das mãos do sindicalista Valdir Augusto

O Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba concluiu nessa segunda-feira, dia 28, o segundo e último pagamento do processo judicial coletivo da Harsco, movido pelo sindicato para cobrar adicionais de periculosidade e insalubridade.

O processo 944/2009 envolve cem trabalhadores, entre atuais e ex-funcionários, e está injetando ao total cerca de R$ 1,2 milhão na economia da cidade.

A assembleia que aprovou o acordo ocorreu no dia 14 de agosto. Nessa segunda-feira, dia 28, cerca de cem dias depois, praticamente todos os pagamentos foram realizados. Restam apenas quatro trabalhadores. Um deles mora fora do país, e mesmo assim o sindicato está em contato com ele.

Veja os depoimentos e a trajetória de luta pelos direitos dos trabalhadores: