Quem ganha o piso terá 16% de aumento na Latasa; aumento real também foi conquistado na WestFalia e FortServ

 

Trabalhadores da Latasa aprovam proposta em assembleia (foto Benedito Irineu)

Trabalhadores da Latasa aprovam proposta em assembleia (foto Benedito Irineu)

Os trabalhadores da Latasa aprovaram em assembleia nessa quinta-feira, dia 1º de outubro, a proposta desta Campanha Salarial, com 11% de reajuste, mais 5% de valorização do piso. Acordos com aumento real também foram conquistados na WestFalia e na FortServ.

Os trabalhadores da Latasa, que tem 200 funcionários, irão receber 11% de reajuste, sendo 10% na próxima folha de pagamento, retroativo à data-base, dia 1º de setembro, e 1% em janeiro de 2016. Segundo o dirigente sindical Francisco Sampaio, também foi conquistada a valorização do piso na fábrica. Aqueles que recebem o salário inicial terão mais 5%, além dos 11%.

“A empresa é do ramo do alumínio e está em um bom momento de produção, inclusive com contratações, e isso favoreceu para que o sindicato conseguisse uma boa negociação”, disse Sampaio.

 WestFalia. Também no dia 1º de outubro, a categoria aprovou proposta de salário na WestFalia, do ramo de autopeças. Com cinco horas de paralisação um dia antes, os trabalhadores conquistaram 12,49% de aumento, que já será aplicado no próximo pagamento, retroativo à data-base. Assim, os trabalhadores terão 2,61% de aumento real. A mobilização também garantiu melhoria da PLR, que fechou em R$ 1.800.

“Apesar de todo o discurso de crise que vemos os patrões fazendo, inclusive no setor de autopeças, conseguimos um bom acordo. Parabéns aos trabalhadores que mostraram muita união e disposição para brigar pelos seus direitos”, disse Luciano da Silva – Tremembé.

Veja também: Paralisação na WestFalia cobra melhor proposta de reajuste salarial

FortServ. Na FortServ, que fabrica equipamentos para o setor de alimentação, a proposta foi de 10%, que já será aplicado no próximo dia 5, retroativo a 1º de setembro. Segundo o presidente interino, Romeu Martins, o sindicato está em negociação de outras melhorias com a direção da fábrica.