Paralisação na GV protesta por acidente na aciaria

Falta de equipamento de proteção cobrado pelo sindicato agravou queimaduras em 2 trabalhadores

Os trabalhadores da GV do Brasil fizeram mais uma paralisação na quinta-feira, dia 27 de julho, para cobrar mais segurança por parte da empresa.

Um grave acidente no setor de aciaria deixou 2 trabalhadores com sérias queimaduras. O caso foi agravado porque a empresa não forneceu capa nem perneira aluminizada, equipamentos de proteção que o sindicato cobra há meses.

No dia 29 de junho já havia ocorrido um protesto na portaria da empresa para cobrar medidas de segurança, inclusive as capas aluminizadas.

A pressão vai aumentar até que a GV regularize essa e outras situação de risco.