Sindicato barra eleição da Cipa na Gerdau

Processo será reiniciado na próxima segunda-feira, dia 22, com cédulas corrigidas

Direção do sindicato fez questão de rasgar os votos para garantir que o processo fosse reiniciado (foto Divulgação)

Direção do sindicato fez questão de rasgar os votos para garantir que o processo fosse reiniciado (foto Divulgação)

A direção do Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba-CUT na Gerdau barrou a eleição da Cipa (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes), que chegou a ser iniciada nessa quarta-feira, dia 17, e iria até o dia 19.

Segundo o dirigente Marcio Fernandes – “Marcinho”, do Acabamento da Laminação Leve, o nome de um dos candidatos estava incorreto.

“Se a identificação do candidato ficou prejudicada, não tem como a eleição prosseguir. Assim que soubemos do erro reclamamos para a direção da empresa, que estava relutante em admitir isso. Então fizemos questão de ir até a urna e rasgar esses votos para garantir que o processo fosse reiniciado da forma correta”, disse.

Em contato com o sindicato, a direção da empresa informou que o novo processo eleitoral será realizado nos dias 22, 23 e 24 deste mês.